segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Será a falência da saúde coelhonetense?

Há muito se houve rumores sobre um eminente fechamento do Hospital Maternidade de Coelho Neto. Sendo essa a única casa de saúde para tratamento de enfermos e onde se realizam os partos da cidade, o fechamento do hospital seria o decreto de falência da já combalida saúde coelhonetense.

Mas vamos ao fatos.

No começo desse mês todos os donos de imóveis alugados, pelo executivo municipal, foram avisados que dia 10 de dezembro a prefeitura estaria encerrando os respectivos contratos de aluguel, e até findar desse prazo também trataria de realizar todos os pagamentos referentes aos aluguéis. Como é de conhecimento geral, a Maternidade é alugada pela Secretaria de Saúde, logo e aqui estou especulando, ela também terá seu contrato de aluguel finalizado no dia 10 de dezembro.




Mas o que pode ser uma simples especulação ganha contornos de realidade quando olhamos para dentro da maternidade. Acontece que no correr dos dias de novembro houve uma série de reuniões com os funcionários da maternidade, reuniões coordenadas pela diretora daquela casa de Saúde, a senhora Josely Almeida, em uma dessas reuniões foi determinado que apenas gestantes seriam internadas, outros tipos de internações não mais aconteceriam na Maternidade, também foi cortada a refeição que a maternidade fornecia aos médicos, acompanhantes e funcionários. Desse ponto em diante os funcionários vinham vislumbrando no horizonte que haveriam demissões. Acontece que hoje, dia 28 de novembro, de fato tais demissões ocorreram, e não apenas uma, duas ou quatro, foram ao todo 21 uma demissões promovidas naquela casa de saúde em reunião hoje pela tarde, onde a diretora daquela instituição chegou munida de uma lista com os nomes de todos que seriam demitidos, leu todos os nomes um a um e depois pediu que os mesmos assinassem a lista. De hoje em diante a Maternidade terá um quadro de funcionários minimo, e apenas os mais básicos dos serviços serão oferecidos.

Chegou já no final da tarde a informação de que haverá demissões na UPA também.

Com a palavras agora a Secretaria de Saúde, a população precisa de um esclarecimento.

Comments system