sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

2º BPM de Caxias fala a respeito do sinistro ocorrido em Coelho Neto

Subcomandante da PM de Caxias, major Antônio Magalhães
ladeado pelo prefeito eleito, Américo de Sousa.
Depois de uma noite de tensão nas ruas, hoje o assunto não poderia ser outro. Várias foram as perguntas feitas acerca do acontecimento da noite passada, e muitas as teorias que surgiram, alguns blogs até aproveitaram para fazer sensacionalismo. Buscando uma fonte mais confiável, esse blogueiro aproveitou uma viagem que fez a Caxias para conversar com o comandando do 2º BPM. Lá chegando, não foi possível encontrar o comandante, então conversamos com o Subcomandante major Antônio Magalhães, que expôs a real situação. 

Viatura UTC - Coelho Neto - MA
Antes de tudo, o subcomandante fez um esclarecimento quanto a ausência da UTC na cidade durante a ocorrência do sinistro. Ele disse que a Unidade após a solenidade teve de ir a Caxias para realizar procedimentos administrativos, referentes ao recebimento da viatura, tendo em vista que a viatura veio de São Luís, do pátio do fornecedor, diretamente para Coelho Neto onde participou da solenidade. Ele destacou que existe por parte da PM, uma série de normas e procedimentos, que o Batalhão recebedor da viatura precisa realizar antes de colocar ela nas ruas para patrulhamento. Relembrou que o foco da UTC não é patrulhamento das cidades, e sim do perímetro urbano, estradas que dão acesso às cidades, e também nas vicinais. Há de se considerar que o que objetivo principal da UTC é a prevenção e combate a assalto a bancos. 

Sobre o sinistro, o subcomandante destacou que essa foi uma ação empreendida por meliantes, que roubaram um carro no município de Timon e vieram tentar a sorte no Maranhão. Que o efetivo existente em Coelho Neto fez a localização, e empreendeu perseguição aos meliantes. Houve intensa troca de tiros, o que fez os bandidos abandonarem o veículo que haviam roubado e embrenhar fuga pelo matagal. Destacou que UTC de Coelho Neto participou do cerco aos meliantes, inclusive está em patrulhamento ostensivo pelos interiores circunvizinhos ao local onde os meliantes abandonaram o carro, houve também o suporte do GOE e Força Tática da PM. 

Veiculo Abandonado pelos meliantes
que empreenderam fuga a pé pelo matagal.
Durante todo o dia de hoje, as buscas persistiam no objetivo de encontrar os meliantes que atacaram a cidade, e que a UTC estava envolvida nesse procedimento.

Viatura da PM de Coelho Neto
foi alvejada por tiros durante perseguição
Também foi falado pelo Subcomandante, que o veículo Duster da PM de Coelho Neto sofreu avarias durante a troca de tiros com os meliantes, mas que ele já havia entrado em contato com oficina responsável pela manutenção dos veículos do batalhão, para realizar os reparar no veículo, e que de imediato já havia determinado a troca do parabrisa do mesmo. Também havia determinado, que uma unidade da Força Tática, fosse encaminhada para Coelho Neto, para auxiliar na cobertura da cidade, e que também havia determinado a montagem de barreira policial no descanso. 

PM realiza abordagem de veiculo no Descanso. 
Ele destacou, que a Blazer da UTC retornaria para Coelho Neto assim que terminasse as diligências em busca do meliantes. 






Comments system