quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Juíza emite liminar favorável à Prefeitura

Pedido de tutela feito pela PGM
Ainda ontem (17), a Juíza de direito de Coelho Neto, Raquel Araújo, concedeu liminar desfavorável a Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), determinando o restabelecimento do fornecimento de energia nos prédios da torre de TV, e Farmácia Popular. 

A Procuradoria Geral do Município (PGM), havia ingressado com o pedido de liminar, tendo em vista que o prédio onde funciona os retransmissores dos sinais de televisão, estava com o fornecimento de energia cortado. 

Antes o prédio operava com um "gato" de energia feito pela gestão passada. 

Decisão favorável ao pedido da PGM
O pedido de liminar abrange também a Farmácia Popular, que teve o fornecimento de energia cortado alguns dias atrás. 

Em seu pedido a PGM alegou o caos administrativo em que foi encontrado o executivo municipal, tendo diversos prédios da administração pública com fornecimento de energia cortado. 

Argumentou ainda que o corte do fornecimento não prejudica apenas a administração, como também o cidadão que precisa diariamente desses serviço. 

Com a decisão da justiça a CEMAR tem o prazo de 48hrs para restabelecer o fornecimento em ambos os prédios.

Transmissor queimado 

Vale salientar, que mesmo tendo o fornecimento de energia restabelecido, ainda assim os sinais de TV continuarão sem funcionar. Isso porque os transmissores continuam em São Luís para onde foram enviados para que as operadoras de TV façam os reparos.

Comments system