terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Por a casa em ordem

Hoje pela manhã o prefeito Américo de Sousa concedeu uma rápida entrevista que deverá ir ao ar nos próximos dias na TV Difusora. Falou brevemente sobre a situação em que recebeu o município, e das ações que vem implementando em seu início de governo.
Destacou o abandono em que encontrou a prefeitura, onde nem computadores aptos para o trabalho foram encontrados. Faltava impressora, e máquina de xerox apenas em sonho. Não foram encontrados também documentos sobre a estrutura e funcionamento da prefeitura nos últimos anos, e a situação do moveis bastantes desgastados.
"O momento é de organizar a casa".
Prefeito Américo de Sousa. 
Diante tudo isso o prefeito voltou a dizer que o momento é de organizar a casa, e garantir o funcionamento dos serviços mais básicos. Que apesar os obstáculos que tem sido encontrado, ele e sua equipe irão superar todas essas adversidades, e trabalharão para fazer de Coelho Neto uma cidade melhor.   
Uma frase que surgiu no vocabulário do prefeito foi “corte de gastos”. Ressaltou por diversas vezes durante a entrevista que havia a necessidade de fazer o equilibro das contas municipais, e que para isso precisava analisar bem as contas da cidade e se preciso cortar gastos.

A verdade é que quanto mais informações são recebidas, mas evidente fica o quanto a prefeitura da cidade foi sugada nos últimos. Com o passar dos dias o absurdo vai tomando forma, e ficando cada vez mais encorpado. Mas ainda é cedo para saber a forma verdadeira do monstro que foi criado lá dentro nos últimos anos.   

Comments system