terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Afonso Cunha: Enfim pagou!

Foram necessários 13 dias se passarem para enfim o prefeito Arquimedes Bacelar (PTB), de Afonso Cunha, pagar os Servidores Municipais. Em 13 dias foram muitas as reclamações, seja no Facebook ou WhatsApp, até ligações de pessoas irritadas recebi. A situação era ainda mais grave pela falta de comunicação do governo, que não se manifestava sobre o assunto. Os servidores ficaram sem qualquer tipo de explicação para o atraso.

Servidor relata que pagamento caiu a meia noite de hoje (14)

Quanto ao pagamento de hoje (14), ainda não está claro quanto a forma como esse pagamento foi realizado. Se todo o funcionalismo municipal recebeu, ou apenas servidores de uma determinada secretaria. Também tem que ser discuto essa questão do reajuste, conforme imagem acima, questionado pelo servidor daquela cidade. No caso dos professores, o Ministério da Educação anunciou no dia 12 de janeiro, um reajuste de 7,64% que eleva os salários da categoria de R$ 2.135,64 para 2.298,80. Isso para professores que cumprem uma carga horaria de 40 horas semanais.

Populares questionam aplicação dos recursos de janeiro
Há de se considerar também, que o pagamento sendo realizado hoje, reforça historia que vinha circulando nos bastidores políticos da cidade. Segundo fontes, a intenção do prefeito sempre foi pagar o servidores depois do dia 10 de fevereiro, quando recebesse recursos do primeiro decêndio do mês. 

Então a pergunta que não quer calar, por que esperar por recursos de fevereiro quando em janeiro a cidade recebeu recursos de sobra? E afinal, como foram aplicados os recursos de janeiro, considerando que não teve folha de pagamento paga com esse recurso?



Comments system