quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Chega Helder: As contradições do ex-prefeito falador


Tentando mais uma vez justificar o fato de não ter pago os salários de dezembro de 2016, que era de sua responsabilidade, o ex-prefeito Soliney Silva (PMDB), mais uma vez caiu em contradição, algo que acontece com muita frequência. 

Mal contador de história que só ele, primeiro em um áudio enviado em grupo de WhatsApp, o ex-prefeito disse que tinha feito todos os empenho e emissão de ordens de pagamento junto ao banco, tudo de acordo com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), e ainda disse que o gerente do Banco só não pagou os salários dos Servidores por pressão do atual prefeito Américo de Sousa (PT). Acusação grave! 
Declaracao dada pelo ex-prefeito Soliney Silva ao
Portal Gaditas em 05 de fevereiro
Logo depois, o ex-prefeito em declaração aos blogs alinhados à ele, disse que não precisava fazer empenho nenhum junto ao banco, que ao banco caberia apenas cumprir as ordens de pagamento. 

Já agora à tarde, em seu Instagram, o ex-prefeito Soliney Silva, voltou a dizer que enviou para o banco a lista com todos os servidores a serem pagos, todos os fornecedores, e também o empenho que garante o pagamento. É mole! 

Postagem feita hoje pelo ex-prefeito Soliney Silva em seu Instagram 
Senhor Soliney, por favor, se atente ao que você diz, esse discurso cheio de contradição e sem um pingo de ensaio já está feio. Ao invés de ficar apenas jogando palavras ao vento, prove o que o senhor diz. Mostre uma imagem de documento enviado ao banco com protocolo de recebido e com data de recebimento anterior ao dia 31 de dezembro. 

Quem sabe assim as pessoas sensatas passem a levar a sério o que você diz. 

Estamos aguardando 

Comments system