quinta-feira, 30 de março de 2017

Luís Serra, oportunista?

Durante a campanha eleitoral Luís Serra aparece "montado"
nas costas de uma eleitora 
Na tarde de ontem (29), muitos foram pegos de supresa com declarações do candidato derrotado a prefeitura de Coelho Neto Luís Serra (PSDB) contra o atual prefeito Américo de Sousa (PT). Destilando rancor, o terceiro colocado nas últimas eleições se mostrou contrariado com o fato do prefeito ter desapropriado terras que supostamente lhe  "pertencem". Terras que serão usadas para ampliação do que será o Hospital Municipal de Coelho Neto.

Em uma fala cheia de amargura Luís Serra acusa o prefeito de ser "traiçoeiro", atacou que o prefeito tem "umbigo pequeno", classificou o gesto como "incompetência", e concluiu dizendo: "isso se chama ódio, raiva, isso é mesquinhez”.

Não custa lembrar que em um passado não muito distante, a ideia que Luís Serra ataca hoje foi apresentada por ele durante as eleições passadas. Devemos considerar também que Luís Serra também nunca apresentou um plano detalhado sobre como partiria da ação para a realização. Ele dizia em palanque que "reabriria" o Ivan Ruy mas nunca deu detalhes a respeito, e agora que alguém resolve agir para tal fim, ele ataca publicamente, e ainda se faz de vítima.

Para justificar o ataque Luís Serra usa uma creche que a Lei Trabalhista obriga a empresa dele a manter. Durante sua fala Luis Serra da entender que fica inviabilizado de ampliar a creche, foi contundente ao afirmar que o prefeito "desapropriou a área inteira só deixou a casa construída sem nenhuma possibilidade de ampliar um projeto que favorece 50 famílias".

Ver Luis Serra falando em perseguição é no mínimo hilário, dezenas de pessoas foram demitidas de sua loja por terem se manifestado eleitores de outros candidatos. Até o sobrinho de um diretor do Sindicato dos Trabalhadores Rurais foi demitido por manifestar voto contrário. O rapaz teve de ir embora para o Rio Verde em busca de emprego depois da demissão. Não nos faça rir Luís Serra!

Agora senhor Luís Serra, quanto a dita ampliação, vou começar a achar que você comprou o diploma de engenheiro. Se você não sabe ampliação se faz para cima também, se quiser faz até para baixo. Como é uma creche o senhor pode fazer rampas que levem para o pavimento superior no caso de construir um andar, nada que umas rampas com piso antiderrapante, não resolvam. Só não faça escada seu Luis Serra, que escada e criança não combina. Afinal, não foi o que o senhor fez com sua loja? Quando não pode mais ir para os lados, o senhor construiu um andar, e deu muito certo.

Vou lhe dar mais conselho, não fale bobagens, não lute contra algo que vai beneficiar milhares de Coelhonetenses, o senhor falar de 50 famílias que sua creche atende, mas pense na enorme quantidade de famílias que esse Hospital vai beneficiar, não só de Coelho Neto, mas de Afonso Cunha, Duque Bacelar e até Buritir.

Seja sensato senhor Luís Serra, aprenda com a Marcia Bacelar, ela tem sido sensata. Não se viu até o momento a ex-prefeita se manifestar publicamente contra esse Hospital, não se viu até o momento a ex-prefeita mal dizer a desapropriação, e sabe por que seu Luis Serra? Porque Marcia Bacelar é uma mulher sensata, Marcia Bacelar é uma mulher que sabe fazer política, a boa política. Marcia Bacelar tem honra, sabe a hora de brigar, e sabe a hora de calar, sabe a hora de atacar, e sabe a hora de recuar, sabe a hora de fazer política, e sabe a hora de abraçar o povo. Marcia Bacelar pode até ser contra a desapropriação, mas até o momento não se manifestou porque compreende que esse talvez não seja o momento para isso. Marcia Bacelar faz a grande política, e dificilmente perderia tempo com algo tão pequeno. Seu Luís Serra, seja grande também, aprenda com a Marcia Bacelar, aprenda com sua madrinha política, aprenda com aquela que bancou politicamente sua candidatura. Porque de política Marcia Bacelar entende, mas parece que você Luís Serra ainda está perdido no circo que montou durante a eleição.

Comments system