segunda-feira, 13 de março de 2017

Sessão Suspensa: Pedido de vistas atrasa reforma administrativa, e reajuste de salários dos Servidores Municipais



Em sessão na noite de hoje (13), seria apreciado em 2ª discussão o projeto de Reforma Administrativa, e logo após seria colocado em votação. O projeto promove uma readequação administrativa, visando melhora os serviços públicos e aumento na eficiência da Máquina Administrativa da cidade.  

O projeto beneficia de uma forma geral os Servidores do Municípiomque ganham acima de uma salario minimo, portanto não tem reajuste anual sobre o vencimento. Como ganham sem vinculo com salário mínimo, o projeto traz para esses servidores uma atualização salarial que eles não tem a anos. 

Marcos Tourinho pediu vistas e atrasa reforma administrativa

Mas acontece que o vereador Marcos Tourinho (PDT), atrasou a 2ª discussão e votação do projeto, logo, atrasou também a sanção por parte do prefeito Municipal. Com isso o grande prejudicado é o servidor do município, que receberá seus salários mais um mês seguido sem reajuste salarial, portanto defasado. Lembrando que o prefeito já planejava pagar os reajustes salarial da Reforma Administrativa para o próximo mês, o de abril. Agora com o pedido de vistas de 10 dias feito pelo vereador, o reajuste para os servidores ficará apenas para maio.

Confesso que estava no plenário da casa quando vereador fez o pedido, e para mim não ficou claro o motivo que levou a tal pedido. Segundo o presidente da casa, vereador Osmar Aguiar (PT), falando ao plenário ainda em sessão, todos os vereadores receberam o projeto dentro do prazo regimental, o que foi confirmado pelo próprio vereador Marcos Tourinho, e ainda segundo o vereador Osmar Aguiar, todos os vereadores fizeram a análise do projeto dentro do prazo e do que determina regimento da casa legislativa, inclusive tiveram um reunião no sábado (11), para discussão mais profunda sobre o projeto, na Comissão de Constituição e Justiça, da qual o vereador Marcos Tourinho é presidente. Nessa reunião o projeto recebeu parecer favorável por parte dos demais vereadores que compõe a referida comissão, portanto estava apto a ser discutido e votado na sessão de hoje.

Mas aconteceu de vereador Marcos Tourinho faltou na reunião de sábado, alegou que precisou fazer uma viagem de família com a esposa. Portanto não pode participar da discussão, e analise do projeto pela comissão, por conta de um viagem de família, que ao meu ver, poderia ser adiada para depois da reunião.

Por conta dessa viagem do vereador Marcos Tourinho, centenas de Servidores Municipais, ficarão sem reajuste salarial, o prejuízo também é enorme para os Servidores da Saúde, como enfermeiros, odontólogos, e bioquímicos, que teriam os salários corrigidos já esse mês caso a lei fosse sancionada antes do dia 20 de março.

Na saída da sessão, uma enfermeira lamentava muito o fim antecipado da sessão sem a discussão e votação do projeto, disse que sentia-se muito prejudicada com esse atraso. "Primeiro teve um ex-prefeito irresponsável que saiu sem nos pagar, e agora um vereador atrasa o reajuste de nossos salários, estou desapontada com tudo isso", lamentou a enfermeira que pediu para não ser identificada.  

Ao final com a suspensão da Sessão, o publico presenta na galeria da Casa Legislativa aplaudiram o presidente e vereador Osmar Aguiar, que defendeu vigorosamente a apreciação a reforma, que estava com parecer favorável por parte das Comissões Permanentes da Casa, Finanças e Constituição e Justiça, conta com apoio da população, e de grande maioria dos vereadores da casa assistiram incrédulos o pedido de vistas do vereador Marcos Tourinho. 

Enfim, por uma viagem, de uma família, milhares de servidores ficarão no prejuízo.


Comments system