quinta-feira, 4 de maio de 2017

Editorial: Liberdade de Imprensa ou Libertinagem?



A liberdade de imprensa é um dos pilares que sustenta a democracia em que vivemos, uma impressa livre garante que as informações cheguem à população, que as pessoas tomem conhecimento de assuntos que são do seu interesse, que os editores expressem suas ideias, e incentivem a população, em geral, ao debate de questões importantes. Contudo, liberdade não pode ser confundida com libertinagem. Ter liberdade não quer dizer que o editor possa escrever o que bem quer, até pode, mas não deve, sempre há de se prestar conta do que se escreve, seja a um leitor mais crítico ou seja à justiça. 

Hoje (04), vimos diversos blogs da cidade, não ao acaso da oposição, publicando texto de direito de resposta do Executivo Municipal. Ao contrário do que possam imaginar, nenhuma medida judicial havia sido tomada contra os blogs, a Procuradora Municipal de Coelho Neto entrou em contato com os blogs e solicitou o direito de resposta devido a postagem tendenciosa realizada ontem (03) pelos editores. 



É fato que um empresário de Afonso Cunha registrou uma ocorrência contra o Município, divulgar isso é liberdade. Mas daí querer jogar para a população que a administração municipal está fazendo favorecimento e direcionando licitação, isso já é Libertinagem. 

Quando você acusa, cabe a você provar, então onde estão as provas? Não tem! Não é possível encontrar em nenhum desses blogs provas matérias de que tal coisa esteja ou tenha acontecido. Foi uma postagem política e irresponsável. 



A verdade é que os anões pisaram feio na bola. Na ânsia de atacar o governo, não tomaram o cuidado de revisar criticamente aquilo que estavam escrevendo, atacaram como puderam, mas esqueceram de provar. Não dá pra ser oposição apenas por ser, é preciso credibilidade, é preciso coerência, e sobretudo é preciso ter confiança. 

Direito de resposta é algo muito sério, juridicamente falando isso prova que os anões falaram o que não deviam, falaram besteira. É preciso ter cuidado, ainda mais quando se trata da honra das pessoas. Mas, aos poucos, os discursos raivosos dos anões vão sendo desmontados, se continuar nesse ritmo logo estarão todos desacreditados. Podem até desrespeitas as pessoas, só não podem desrespeitar a Lei! 

Três anões já publicaram o Direito de resposta, ainda falta um. Pode publicar!

Comments system