sábado, 13 de maio de 2017

Um cabresto no prefeito

Prefeito Arquimedes está sendo enquadrado pelos vereadores 

Na última sexta-feira (12) o vereador de Afonso Cunha Francisco Capitula (PSB) propôs um Projeto de Lei pioneiro na região. A legislação, se aprovada, passará a exigir que os “Secretários Municipais, chefes de departamento, e Superintendências” daquela cidade prestem “contas de suas atividades” regularmente, “assim como demonstrar e justificar a aplicação de todo recurso”.

Projeto de Lei apresentado pelo vereador Fracisco Capitula (PSB) conta com amplo apoio da população
e do legislativo municipal


Com isso os vereadores tentam afastar o legislativo daquela cidade da crise administrativa que o município vem atravessando. É inegável que os vereadores de Afonso Cunha vêm sofrendo uma pressão enorme, tudo pelo caos que a cidade atravessa sob o comando do prefeito Arquimedes Bacelar (PTB). No momento em que tal legislação é proposta os vereadores demonstram a população que tentam reverter o quadro, onde cobrarão do gestor municipal e secretários que explicações sejam dadas com frequência sobre suas ações.

Projeto exige prestação de contas regular e profissionais capacitados na liderança do Secretariado


O projeto também tenta proteger a cidade da postura nepotista do prefeito Arquimedes. Há no projeto dispositivo exigindo que as nomeações para o Secretariado Municipal “deve ser precedida de demonstração de capacitação na área de atuação, através de curso superior ou técnico, ou comprovação de notável experiência”.  

Com tudo isso fica claro que a Câmara de Vereadores de Afonso não assistirá de forma passiva o município ser arrasado por Arquimedes. Em uma atitude corajosa, e pioneira Francisco Capitula mostra a população que a câmara tem pulso, e fará o possível para proteger a cidade.   

Comments system