quinta-feira, 10 de agosto de 2017

E mais essa...



Nos últimos momentos da eleição de 2016 o então candidato a prefeito Luis Serra (PSDB) ingressou com ação eleitoral contra o então candidato Américo de Sousa (PT). Serra alegava nesta ação que Américo havia veiculado propaganda eleitoral ilegal. 

Explico, Serra argumentou que Américo havia manipulado os números da pesquisa Eleitoral divulgada no Facebook. "Insinuava estar a frente dos demais candidatos, utilizando-se de suposta pesquisa eleitoral que, segundo o representante (Serra), os dado foram manipulados para beneficiar o candidato (Américo)".

Sentença da representação
Como tudo em nosso país, o julgamento desta ação demorou para acontecer, seu resultado saiu no último dia 20 de julho, sendo publicado apenas hoje (10). O fato que aqui chama a atenção são as palavras do juiz ao extinguir a ação. "Impossível se falar em trucagem, montagem ou utilização de recursos tecnológicos escusos se as urnas demonstraram que a pesquisa apresentava dados, se não verdadeiros, mas similares". 

O candidato Serra poderia ter retirado a ação tão logo saiu os resultados das urnas confirmando a pesquisa, mas preferiu o manter o processo e passar mais essa vergonha. 

Fazer o quê, gosto é gosto

Comments system