sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Governo Federal repassa apenas R$ 0,36 por dia para merenda escolar, disse o presidente da CNM


“Sabe por que os Municípios estão mal? Porque estamos gastando mais de 10% da arrecadação em subfinanciamento de programas federais", foi com esse discurso que o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, apresentou a situação dos Municípios Brasileiros em evento promovido pelo Tribunal de Contas da União (TCU). 

Presidente da CNM em fala ao TCU

O presidente da CNM iniciou a participação falando sobre o pacto federativo. "Brasília acha que está fazendo descentralização, mas o que tem em Brasília é desconcentração e não descentralização". Ziulkoski apontou que, do bolo tributário, os Municípios ficam com apenas 19%, enquanto a União fica com 50% e os Estados com 31%. "O Brasil, infelizmente, continua sendo um Estado unitário", completou.

Como exemplo citou a merenda escolar, onde o Governo Federal repassa apenas R$ 0,36 centavos, sendo que o custo médio de merenda é de R$4,50 reais por dia. “Esses programas são bons, mas como vamos executar isso”, questionou Ziulkoski.

Comments system