quarta-feira, 4 de outubro de 2017

"Promoção do pânico em Coelho Neto tem cunho político", falou o delegado

Delegado de Policia Civil de Coelho Neto, Sidney Tenório, concedeu entrevista
a TV Cidade Viva  

Falando ao programa Cidade Viva, o delegado de Polícia Civil de Coelho Neto, Sidney Tenório, voltou a defender o trabalho que a Polícia vem realizando na cidade. Argumentou que o Município vivia um período de tranquilidade de janeiro a setembro, mas nos últimos dias as coisas de fato pioraram. 

Policia tem atuado e prendido os elementos suspeitos de cometer crimes na cidade
  mas somente com o registro das  ocorrências e reconhecimento por parte
das vitimas o elementos serão mantidos encarcerados  

Contudo, o delegado destacou que a Polícia vem dando as respostas, com os elementos sendo identificados e presos. “A polícia vem atuando dentro do seu papel”, explicou o delegado.

O delegado também reclamou que muitas vezes as pessoas testemunham um crime ocorrendo, mas não vão prestar testemunho perante a Lei. “A pessoas têm-se eximido do papel de ir testemunhar, não querendo se envolver no processo legal. Isso apenas beneficia o criminoso, que provavelmente não será punido”. 

Policia tem atuado e prendido os elementos suspeitos de cometer crimes na cidade
  mas somente com o registro das  ocorrências e reconhecimento por parte 
das vitimas o elementos serão mantidos encarcerados  

A delegado também falou que parte da população está mais preocupada em relatar fatos nas redes sociais, do que fazer o devido registro legal junto a delegacia. Detalhou que durante o final de semana 4 elementos foram presos por crimes relatados em redes socais, mas apenas duas ocorrências foram registradas, e ainda assim porque a Polícia conseguiu identificar as vítimas e convida-las a fazer o devido registro. 

Sobre a postura de parte da população nas redes sociais o delegado falou que a “Promoção do pânico em Coelho Neto tem cunho político”. 





Comments system