segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Câmara de Coelho Neto reprova contas do ex-prefeito Soliney


A Câmara Municipal de Coelho Neto reprovou nesta segunda-feira (08) as contas da prefeitura referente ao ano de 2011. Com a decisão, o ex-prefeito, Soliney Silva (MDB), inelegível, ficando assim impedido de registrar candidatura junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), e até mesmo de votar nas eleições. 

O parecer com a decisão do legislativo municipal será submetido ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). 

Apesar das contas do ex-prefeito terem vindo com recomendação pela aprovação com ressalvas por parte do Tribunal de Contas, a Comissão de Finanças e Orçamentos da Câmara Municipal em análise previa das contas, apontou uma série de irregularidades na prestação de contas, tais como diversos vícios em Licitações, como ausência de tomada de preços, falta de aviso em jornais de grande licitação e assinatura do responsável pelo pregão. 

SESSÃO 

Dez vereadores votaram pela reprovação das contas dos ex-prefeito, e dois apoiaram o ex-prefeito, defendendo suas contas, votando pela aprovação. Um vereador simplesmente sumiu, novamente, se abstendo de fazer seu papel. 

Cabe destacar, a fala do vereador Rafael Cruz (MDB), que insinuou que os colegas de parlamento não tem capacidade para analisar as contas do ex-prefeito, portando não poderiam reprovar as contas de Soliney. Já o vereador Marcos Tourinho (PDT), pontuou que a reprovação pelas contas do ex-prefeito se dá pelas inúmeras obras abandonas pela sua gestão, como Creches e Unidades Básicas de Saúde incompletas, que tudo no papel está bonito e concluído, mas na realidade o ex-prefeito abandonou a cidade. 

Votam “SIM”

Junior Santos (MDB)
Osmar Aguiar (PT) 
Silas do Louro (MDB) 
Cará (MDB)
Wilson Vaz (PT do B) 
Moabe (PSD) 
Camilas Liz (PROS)
Liza Pires (PCdoB) 
Luis Ramos (PSD)
Marcos Tourinho (PDT) 

Votam “Não” 
Rafael Cruz (MDB) 
João Paulo (MDB) 

Sumiu 
Ricardo Chaves (PPS) 


Comments system