sábado, 13 de janeiro de 2018

Prefeito Arquimedes Bacelar joga Afonso Cunha na marginalidade


Conforme publicado por este blog na noite de ontem, sábado (12), a pequena cidade de Afonso Cunha não terá em 2018 um carnaval organizado pela Administração Municipal. Contudo, os motivos vão muito além de uma emenda parlamentar que não teria sido paga, conforme dissemos na postagem de ontem.

A verdade dos fatos, é que o prefeito Arquimedes Bacelar (PTB) não cumpriu com a Lei de Responsabilidade Fiscal ao não colocar em funcionamento no âmbito de sua Administração o Portal de Transparência do Município. Com isso, o Tribunal de Contas de Estado (TCE) proibi que a cidade receba transferências estaduais ou federais, voluntárias e legais.

Arquimedes Bacelar lidera a Lista de Inadimplentes do Tribunal de Contas do Estado 

Quanto ao investimento na Saúde, nos resta aguardar se tal aplicação de recursos realmente irá acontecer, até onde sabemos o desejo do prefeito é adquirir uma ambulância para Saúde Municipal. 

Inimigo de si mesmo, Arquimedes Bacelar (PTB) marcou um gol contra ao se auto sabotar.

Com informações do Atual7



Comments system