quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Para relembrar: Há um ano Polícia prendia falso médico que atuava em Coelho Neto



No dia 13 de fevereiro de 2017 este blog publicava aquela que seria a postagem mais lida daquele ano. Em uma manhã de segunda-feira a Polícia Civil de Coelho Neto, atendendo uma denúncia da Procuradoria Geral do Município de Coelho Neto, prendeu no interior da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade o jovem Emanuel Rodrigues, que exercia ilegalmente a medicina se passando por um médico de São Paulo chamado Evandro. 

Evandro, que na verdade é Emanuel, diz ter estudado medicina no Paraguai, mas não chegou a concluir o curso por falta de dinheiro. Ele conta que usa o CRM de um amigo, que é o verdadeiro médico, e que conhecendo a sua situação, e confiando em sua capacidade, ficou penalizado e cedeu seu CRM para que “Evandro” pudesse atuar no interior do Maranhão. 

Manoel atuou como médico em Coelho Neto por quase 7 meses, e só foi descoberto porque a gestão municipal desconfiou da documentação apresentada por ele por ocasião de sua recontratação. Em depoimento Emanuel Rodrigues, contou que sua esposa “conhece a ex-secretária de saúde de Coelho Neto, Rosângela Curado, tendo pedido então um favor ao então secretário de saúde Adão Ramos, para que conseguisse uma vaga de médico...". 

O caso do falso médico assombrou Coelho Neto por algum tempo, sendo apenas mais uma evidência do descaso com que o ex-prefeito Soliney Silva (MDB) tratava a cidade. 

Lembre o caso em todos os detalhe AQUI, AQUI e AQUI 

Comments system