domingo, 8 de abril de 2018

Sarney Filho esclarece sobre indenizações aos moradores da Chapada das Mesas


Na manhã de hoje, 08 de março, o deputado federal Sarney Filho (PV), que até semana passada respondia pelo Ministério do Meio Ambiente, enviou através de sua Assessoria nota posicionando-se sobre o tema abordado na postagem "Sarney Filho deixa ministério desonrando compromisso com os maranhenses", que o Blog Observatório dos Cocais publicou na última sexta-feira, 06 de abril.

De inicio Sarney Filho destaca que o fato de afasta-se do Ministério do Meio Ambiente para "assumir sua pré-candidatura ao Senado", não interrompe o processo para o pagamento das indenizações das famílias da Chapada das Mesas. Porém, revela que por ''problemas técnicos de medicação das glebas não foi possível entregar as primeiras indenizações, como prometido por ele ao assumir o ministério em 2016"

A nota conclui dizendo que o "processo está em sua fase final e que ele (Sarney Filho), pessoalmente, agora como deputado federal, irá com o presidente do Instituto (ICMBIO), Ricardo Soavinski, entregar os documentos às famílias, como prometeu". Contudo, a nota não estipula uma data para um entrega do documento. 

Que fique aqui o registro do posicionamento do deputado Sarney Filho, neste espaço amplo, aberto e democrático, de acesso a todos e que estará sempre a disposição de quem achar necessário. 


Confira abaixo a integra da nota enviada pela Assessoria do deputado Sarney Filho: 

"Bom dia,

A propósito de nota publicada no blog sobre as indenizações aos moradores do Parque da Chapada das Mesas, o deputado Sarney Filho esclarece que o fato de ter se afastado do Ministério do Meio Ambiente, para assumir a sua pré candidatura ao Senado, não implica suspensão do processo de indenizações. Por problemas técnicos de medição das glebas, de acordo com o ICMBIO, não foi possível entregar as primeiras indenizações,antes da desincompatibilização. Ele reitera que o processo está em sua fase final e que ele, pessoalmente, agora como deputado federal, irá com o presidente do Instituto, Ricardo Soavinski, entregar os documentos às famílias, como prometeu tão logo assumiu o MMA , em 2016. 

Atenciosamente, 

Eliana Lucena, assessoria de imprensa do deputado".