quinta-feira, 10 de maio de 2018

Rafael Leitoa aposta na recuperação de detentos através do trabalho



Em novembro do ano passado, o deputado Rafael Leitoa (PDT), iniciou uma luta em defesa da ressocialização dos apenados no Maranhão. Na época, em Audiência Pública na Assembleia Legislativa, foram discutidas expansão e melhorias para as Associações de Proteção e Assistência aos Condenados, APACs, no Maranhão.

Ainda em 2017, o deputado solicitou a instalação de uma fábrica de pré-moldados para o Presídio do Maracujá em Timon, seguindo a mesma linha de defesa do ser humano e de sua dignidade apresentada pelas APACs. Agora, com a fábrica instalada e os resultados sendo apresentados, ocupando os detentos com trabalho e ajudando na redução da pena, o deputado afirma ter certeza de que esta é uma das soluções para mudar a realidade dos presídios.

Ontem, quarta-feira (09) o deputado timonense foi informado que o seu pedido foi atendido e a fábrica de pré-moldados será instalada em Timon para atender com trabalho apenados do presídio Maracujá (veja nas fotos abaixo).

“Devemos acreditar no ser humano e este tipo de política incentiva um novo caminho para o sistema carcerário do Maranhão. Os bloquetes serão produzidos pelos internos e posteriormente serão utilizados na pavimentação das cidades de nossa região, assim como é feito em São Luís”, comentou Rafael Leitoa.




Do Elias Lacerda



Comments system