quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Calote à vista? Em manifesto, tucanos do MA cobram fundo partidário de Roberto Rocha


Candidatos a deputado estadual do PSDB assinaram manifesto, na última semana, ameaçando renunciar as eleições de 2018 se o partido não dividir, de forma igualitária, a verba do fundo partidário. Presidido no Maranhão pelo autointitulado Asa de Avião Roberto Rocha, a sigla pode sofrer um duro golpe no já natimorto projeto do senador de se tornar governador.

Assinado por mais de 15 candidatos, o manifesto afirma que eles estão com suas campanhas “na rua da amargura, penalizados e humilhados pela injusta repartição do Fundo Partidário, que privilegia uns, em detrimento de outros, impedindo a paridade mínima de armas”.

O manifesto afirma ainda que “não existe indicador mais eloquente da situação, do que o descumprimento da legislação, no que se refere a participação da mulher na política, que pressupõe a sua inclusão proporcional na divisão do Fundo Partidário”.

A manifestação dos candidatos é um duro golpe nas pretensões do partido. Privilegiando as candidaturas de Wellington do Curso, Rogério Pitbull e Guilherme Paz, o PSDB corre o risco de não eleger nenhum nome para a Assembleia Legislativa se os candidatos que assinaram o manifesto resolverem desistir do pleito.

Com medo de calote, o manifesto expõe o espírito desagregador de Roberto Rocha. Depois de aplicar um golpe que tirou o comando do PSDB do vice-governador Carlos Brandão, Asa de Avião tem sofrido com o esvaziamento e enfraquecimento da legenda no estado.

Assim como a trajetória política de Roberto Rocha, o PSDB sairá das eleições deste ano praticamente arruinado. Principalmente se a desistência dos candidatos que assinaram o manifesto se concretizar.

Será que o senador imaginava que faria com o PSDB o mesmo que os Rocha fizeram com os funcionários da Rádio Capital?!

Confira abaixo o manifesto dos dissidentes que não concordam com a distribuição dos recursos do Fundo Eleitoral: 



Voltamos a qualquer momento com mais informações

Do Marrapá