sábado, 8 de setembro de 2018

MPE declara Soliney inelegível e pede que candidatura seja Impugnada


O Ministério Público Eleitoral emitiu parecer, na última sexta-feira (07/09), ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MA) pelo indeferimento da candidatura do ex-prefeito de Coelho Neto, Soliney Silva (MDB) ao cargo de deputado estadual, nas Eleições 2018.

O documento, assinado pela procurador regional eleitoral, Pedro Henrique Oliveira Castelo Branco argumenta que Soliney encontra-se inelegível por ter contas reprovadas pela Câmara Municipal de Coelho Neto, referente aos exercícios de 2010 e 2011 anos em que comandou o governo municipal. 

O MPE considerou em sua manifestação inúmeras irregularidades insanáveis que configuram atos dolosos de improbidade administrativa cometidas pelo ex-prefeito. Muitos vícios que foram encontrados levaram a rejeição das contas de forma acertada pelos vereadores de Coelho Neto . 

“Diante de todo o exposto, MINISTÉRIO PÚBLICO ELEITORAL manifesta-se pela procedência da AIRC em epígrafe, com o consequente indeferimento do registro de candidatura do Impugnado”, pediu o procurador Pedro Henrique