segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Turma do Golpe perde candidato

Acho que muito aqui conhecem a turma do golpe, aqueles que curtem um boa velha preguiça, e que hoje morrem de saudades dos tempos em que recebiam do Governo Municipal gordas gratificações por muito pouco ou nenhum trabalho. Tinham uma vida mansa, com muita fartura, regada com dinheiro publico que facilmente irrigava suas contas. 

Hoje essa turma sofreu mais um duro golpe, depois de perderem a "mamata", e de sucessivas derrotas na Justiça, onde tentam de toda forma se apropriarem do Sindicato dos Servidores Públicos, agora perderam agora o candidato que apoiavam, e de quem esperavam "facilidades" em caso de vitoria nas urnas. Recentemente eles abraçaram a candidatura do Deputado Federal Junior Marreca (PATRI), ex-prefeito de Itapecuru Mirim, que na noite de hoje, segunda-feira (12/09), foi considerado ficha suja pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE), por conta de um condenação transitada em julgado pelo Tribunal de Contas do Maranhão (TCE). 

"O Impugnado possui contra sua pretensão de se candidatar dois acórdãos do TCE-MA, irrecorríveis, que julgaram irregulares contas de sua administração quando Prefeito de Itapecuru-Mirim, referentes aos exercício de 2008, sendo um deles (Acórdão TCE/MA PL nº 503/2013) derivado de análise de contas envolvendo recursos do FUNDEB", anotou o juiz relator Eduardo Jose Leal Moreira. 

Impugnação de Junior Marreca deixa a turma da preguiça sem candidato

E vejam só a ironia, tiveram seu candidato impugnado por conta de irregularidades no FUNDEB, justamente de onde vinha todas as facilidades que um dias eles gozaram em Coelho Neto. Se isso não é a vida mandando um recado, eu não sei dizer o que é! 

Junior Marreca está fora, e agora eles estão órfãos de candidatos, pelo menos até a próxima oferta surgir.  

Voltamos a qualquer momento com mais informações