quarta-feira, 24 de outubro de 2018

TCE ratifica transparecia do Governo Américo de Sousa

Instituída em 2009, a Lei da Transparência foi ignorada em Coelho Neto durante todo o mandato do ex-prefeito Soliney Silva (MDB). Nesse período pipocaram na cidade casos de corrupção, desvios de recursos públicos, obras superfaturadas, o dinheiro da cidade era usando para comprar carros de luxo, aviões, aliados,  bancar pilotos e construir barbearia, enquanto a população era mantida cega, sem saber como, quando e onde o dinheiro público da cidade era aplicado. 





Se o passado era de descaso com Lei, o presente tem sido de respeito. Com a chegada do prefeito Américo de Sousa (PT) no comando da cidade, o Governo Municipal passou a cumprir a Legislação, mantendo diariamente os coelhonetenses informados sobre gastos e investimentos públicos.

Hoje, quarta-feira (24/10), mais uma vez o Tribunal de Contas do Estado (TCE) reconheceu a eficiência do município na disponibilização das informações, avaliando de forma positiva o Portal de Transparecia que a prefeitura de Coelho Neto mantém. 

Coelho Neto agora tem um governo que cumpre com suas obrigações, mantém a população bem informada sobre os recursos públicos, que hoje servem apenas ao interesse da cidade sendo empregado nas resolução de problemas atendendo as demandas dos coelhonetenses.